TÚNEL DE TAGUATINGA

TÚNEL DE TAGUATINGA
O FUTURO PASSA POR AQUI

sábado, 12 de março de 2022

Durante live em plataforma erótica para ajudar a Ucrânia, modelo ‘quase morre’

Foto: Reprodução
A modelo lituana exibia-se para os fãs e pedia doações. No entanto, ela foi alertada que estava correndo risco de ser eletrocutada A modelo lituana Elee Moon possui uma página de sucesso em uma plataforma erótica popular. Para ajudar os ucranianos atingidos pelos efeitos da invasão russa, ela fez uma live em uma piscina inflável. A lituana permaneceu quatro horas na banheira, exibindo-se para os fãs e pedindo doações. No entanto, ela foi alertada que estava correndo risco de ser eletrocutada. Elee não tem uma banheira de hidromassagem, então, ela improvisou com uma piscina infantil dentro de sua casa, e utilizou um dispositivo perigoso para aquecer a água. A modela dançava na água enquanto respondia aos fãs.
Usando um biquíni, a modelo escrevia o nome de doadores generosos em um quadro branco, depois, usou seu próprio corpo como tela. Ela fazia viagens de ida e volta para encher a piscina com água fervida de uma chaleira, e revelou que estava utilizando um antigo “dispositivo soviético”. Segundo o “Daily Star”, Elee explicou como ficou sabendo do risco que correu. “Meu amigo salvou a minha vida na verdade. Eu deveria morrer hoje nesta live. Essa coisa era usada nos tempos soviéticos e eu ainda me lembro porque minha avó guardava essa coisa. Nos dias soviéticos, não havia muita água quente, às vezes a eletricidade era cortada e basicamente as pessoas tinham que se virar, certo? Tem esse bastão em forma de tubo. É movido a eletricidade e eles o colocavam na água para aquecê-la. Mas você pode morrer. Você não deve tocar na água enquanto a está aquecendo.” Apesar do susto, Elee conseguiu arrecadar o equivalente a R$ 113 mil. Fonte:https://jornaldebrasilia.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário