PREVENÇÃO É A MAIOR PROTEÇÃO

PREVENÇÃO É A MAIOR PROTEÇÃO
PREVENÇÃO É A MAIOR PROTEÇÃO

sábado, 12 de fevereiro de 2022

Macaco ‘invade’ casa em Fortaleza e faz bagunça na cozinha

Foto: Reprodução
A recomendação é que os moradores mantenha distância nesses casos. Por o animal estar fora de seu habitat, pode se sentir ameaçado e atacar Uma família foi surpreendida quando um macaco-prego ‘invadiu’ a residência onde moram, em Fortaleza. O animal quebrou objetos da cozinha, espalhou talheres e alimentos. A moradora da casa, que prefere não se identificar, gravou um vídeo que mostra o macaco em cima do muro da casa procurando comida. “Ele apareceu há uma semana. Todo mundo aqui na vizinhança está com medo. Aqui na rua só se fala nele. Eu já pedi ajuda para o Ciops. Para o Corpo de Bombeiros também, mas ele continua por aqui”, afirmou a moradora. Segundo o Corpo de Bombeiros afirmou ao g1, a recomendação é que os moradores mantenha distância nesses casos. O órgão disse que por o animal estar fora de seu habitat, pode se sentir ameaçado e atacar. Além disso, o animal pode transmitir raiva. Bruno Pessoa, veterinário da Universidade Estadual de Fortaleza (Uece), também aconselhou a não alimentar o macaco. Em caso do animal estiver com fome, colocar frutas em cima de um muro ou telhados. O contato com o animal pode provocar doenças fatais ao macaco-prego. “A orientação é não alimentar o macaco. Se ele estiver realmente com fome o recomendável é colocar as frutas em cima de um muro ou telhados. Nós podemos passar alguma doença para ele. Como a herpes. As pessoas acabam se alimentando, mordendo as frutas e dando para ele. Os animais pegam e comem. Só que para gente, a herpes pode ser muito simples e para eles pode ser fatal. O ideal é manter contato com um órgão responsável que irão tomar providências”. A espécie macaco-prego é típico do Ceará e é da espécie Sapajus libidinosus. São animais inteligentes e conhecidos por usar ferramentas para quebrar coco e outras sementes. Além de comer frutas, o macaco-prego se alimenta de insetos como formigas e cupins. Fonte:https://jornaldebrasilia.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário