UM NOVO TEMPO

UM NOVO TEMPO
+ DE 40 ATENDIMENTOS PEDIÁTRICOS

segunda-feira, 27 de junho de 2022

Um general por outro --Bolsonaro anuncia em entrevista que seu vice será Braga Netto

Walter Braga Netto e Jair Bolsonaro: dobradinha militar à vista na chapa à reeleição | Foto: Jorge William / Agência O Globo
Em entrevista a programa bolsonarista na internet, presidente disse que ex-ministro da Defesa deverá substituir Mourão na postulação ao cargo O presidente Jair Bolsonaro (PL) confirmou que o ex-ministro da Defesa general Walter Braga Netto deverá completar sua chapa em que concorrerá à reeleição. A declaração foi dada durante entrevista ao canal Programa 4 por 4, transmitido pelo YouTube neste domingo, 26, e tendo como participantes jornalistas e comentaristas apoiadores do governo. “Braga Netto tem uma vida de 45 anos de serviço na caserna. Foi interventor por um ano no Rio de Janeiro. Veio para o nosso governo. Pegou a difícil missão da Casa Civil durante a pandemia e foi para o ministério da Defesa e desincompatibilizou para ficar livre para disputar um cargo eletivo.” A revelação, a ser confirmada nos próximos dias, segundo o próprio Bolsonaro, vem depois de semanas em que outros nomes chegaram a ser cogitados para o cargo, especialmente o de uma mulher, a ex-ministra da Agricultura Tereza Cristina (PL), que é no momento pré-candidata ao Senado por Mato Grosso do Sul. “Então é uma pessoa que eu admiro muito, o Braga Netto. E é uma pessoa que, caso a gente consiga uma reeleição, caso a população assim entenda, uma pessoa que vai ajudar em muito o Brasil aqui nos próximos anos.” Em abril, Bolsonaro já havia dito que havia “90% de chances” de Braga Netto ser escolhido para o posto de vice na chapa de reeleição. Anteriormente, Bolsonaro já havia dito que havia 99% de chances de “o vice ser mineiro” —em suposta referência a Braga Netto. A escolha do vice na chapa de Bolsonaro tem movimentado os bastidores de Brasília desde o ano passado, quando o presidente começou a articular a candidatura à reeleição e deixou claro que não queria repetir a dobradinha com o também general Hamilton Mourão (Republicanos). * Com informações do portal UOL. Por Elder Dias https://www.jornalopcao.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário