A CADA DIA, VIVEMOS MAIS PERTO DA VALPARAÍSO QUE QUEREMOS

A CADA DIA, VIVEMOS MAIS PERTO DA VALPARAÍSO QUE QUEREMOS
VALPARAÍSO QUE EU QUERO 27

terça-feira, 28 de dezembro de 2021

S.O.S. Bahia: bombeiros do DF vão ajudar nas buscas por vítimas de enchentes

Foto:(crédito: CBMDF/Divulgação)
Corporação informa que 20 bombeiros do Grupamento de Busca e Salvamento do DF viajam para a Bahia, nesta segunda-feira (27/12), para tentar encontrar vítimas das enchentes O Grupamento de Busca e Salvamento do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) viajou nesta segunda-feira (27/12) com 20 militares para a Bahia, com a missão de ajudar nas buscas por vítimas atingidas pelas enchentes em municípios baianos. A princípio, as equipes vão para Ilhéus (BA) e, de lá, serão remanejadas às cidades próximas que precisarem de apoio. "Considerando a dinâmica da situação na região, o destino dos militares do CBMDF poderá ser alterado", diz o CBMDF, em nota. O efetivo da corporação vai contar com dois caminhões e quatro caminhonetes 4x4, além de quatro embarcações. "Os militares enviados possuem especializações em salvamento e resgate", acrescenta o Corpo de Bombeiros do DF. Em novo decreto neste domingo (26/12), o governador da Bahia, Rui Costa (PT), incluiu mais 47 cidades na lista de municípios em situação de emergência por conta das enchentes que atingem o estado. Agora, 72 cidades estão com a medida vigente — até este sábado (25/12), eram 25. Com a publicação, os órgão ficam autorizados a apoiar as ações de resposta ao desastre. Na prática, as cidades têm mais flexibilidade de ação. As cidades que agora estão em situação de emergência são: Anagé, Angical, Arataca, Aurelino Leal, Barra do Choça, Belo Campo, Brejolândia, Caatiba, Caetanos, Camacan, Canavieiras, Coaraci, Cotegipe, Dário Meira, Firmino Alves, Floresta Azul, Gandu, Governador Mangabeira, Ibicaraí, Ibipeba, Igrapiúna, Iguaí, Ipiaú, Itabuna, Itaju do Colônia, Itapé, Itapetinga, Itapitanga, Itaquara, Itororó, Jequié, Jussiape, Lafaiete Coutinho, Manoel Vitorino, Marcionílio Souza, Milagres, Pau Brasil, Poções, Santanópolis, Santa Inês, Sapeaçu, Ubaíra, Ubatã, Uruçuca, Valença, Vitória da Conquista e Wanderley. Antes, as cidades que estavam em situação de emergência eram: Alcobaça, Belmonte, Caravelas, Eunápolis, Encruzilhada, Guaratinga, Ibicuí, Ibirapuã, Ilhéus, Itabela, Itagimirim, Itamaraju, Itanhém, Itapebi, Jucuruçu, Lajedão, Macarani, Medeiros Neto, Mucuri, Nova Viçosa, Porto Seguro, Prado, Santa Cruz Cabrália, Teixeira de Freitas e Vereda. Mortes O número de mortes em decorrência das enchentes subiu para 18. Até a tarde de sexta-feira (24/12), a Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado e as prefeituras dos municípios atingidos registraram 4.185 desabrigados e 11.260 desalojados pelas inundações. O número de feridos é de 286 e a população total atingida chega a 378.286. Foto:(crédito: CBMDF/Divulgação)
Fonte:https://www.correiobraziliense.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário