UM NOVO TEMPO

UM NOVO TEMPO
+ DE 40 ATENDIMENTOS PEDIÁTRICOS

quinta-feira, 13 de janeiro de 2022

Mulher com 70% do corpo queimado aguarda vaga em hospital

A jovem sofreu graves queimaduras e aguarda há mais de uma semana para ser transferida a um hospital de referência Uma mulher de 29 anos teve 70% do corpo queimado e precisou ser internada, ao usar álcool enquanto cozinhava em casa, em Praia Grande, no litoral de São Paulo. A jovem sofreu graves queimaduras e aguarda há mais de uma semana para ser transferida a um hospital de referência. De acordo com a mãe da vítima, enquanto trabalhava com o genro, recebeu a notícia de que a jovem havia sido hospitalizada. “Chegando lá, descobrimos que ela ficou sem gás, e quis fazer comida para as crianças, que estavam com fome. Ela pegou o álcool e foi tentar acender, para esquentar uma panela, mas explodiu nela, e ela começou a queimar. Aí, jogou água para não pegar ainda mais fogo, e um vizinho a socorreu, já bem machucada”, contou a mãe ao site G1. A jovem segue internada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Quietude desde o dia 4 de janeiro, mas aguarda vaga em um hospital para tratar as queimaduras graves. Em nota, a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo informou que o caso está sendo monitorado pela Central de Regulação de Oferta e Serviços da Saúde (Cross), buscando vaga em serviço de referência. A pasta afirma que a transferência de um paciente não depende exclusivamente de disponibilidade de vagas, mas também de quadro clínico estável que permita o deslocamento a outro serviço de saúde, para sua própria segurança. Ainda conforme a secretaria, o papel da Cross não é criar leitos, mas auxiliar na identificação de uma vaga no hospital mais próximo e apto a cuidar do caso. Fonte:https://jornaldebrasilia.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário