UM NOVO TEMPO

UM NOVO TEMPO
+ DE 40 ATENDIMENTOS PEDIÁTRICOS

sábado, 15 de janeiro de 2022

Covid-19: após exigência do GDF, Secretaria de Saúde abre mais 10 leitos de UTI

Foto:(crédito: Arquivo)
Capacidade total da rede pública é de 217 leitos para tratamento intensivo de pacientes com a doença. Em plano de mobilização de vagas apresentado nesta sexta-feira (14/1), pasta prevê abertura de 188 Depois da determinação do Palácio do Buriti para que a Secretaria de Saúde do Distrito Federal abra mais vagas em unidades de terapia intensiva (UTIs) para pacientes com covid-19, a pasta apresentou, nesta sexta-feira (14/1), um plano de mobilização com previsão para 188 novas. A primeira das sete etapas definidas trata da disponibilização de 20 leitos no Hospital Regional de Samambaia (HRSam). Na mesma data, a SES-DF abriu 10 vagas e disponibilizará mais 10 em 19 de janeiro. O secretário de Saúde, Manoel Pafiadache, afirmou que o plano estava em elaboração desde 16 de dezembro. "(E) será posto em prática de acordo com as necessidades", afirmou, em entrevista coletiva nesta sexta-feira (14/1). As próximas fases preveem 10 leitos no Hospital de Base; 10 no Hospital Regional de Ceilândia (HRC); oito no de Sobradinho (HRS); 20 no do Gama (HRG); 20 no da Asa Norte (Hran); 40 no de Santa Maria (HRSM); e 60 no Hospital da Polícia Militar. No entanto, ainda não há data de abertura dos leitos. Atualmente, a rede pública de saúde conta com 65 vagas em UTI para tratamento de pacientes com covid-19, mas tem capacidade para 217. Na rede particular, o plano define a abertura de 133 leitos desse tipo. O documento trata, ainda, da mobilização de estruturas semi-intensivas (UCI) e em enfermarias. Presente à coletiva, o secretário-adjunto de Saúde, Fernando Erick Damasceno, explicou que o plano visa prevenir a desassistência e a superlotação das unidades de atendimento. "Essas fases de conversão de leitos para UTI-Covid serão acompanhadas de outras ações", antecipou. Fonte:https://www.correiobraziliense.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário