TÚNEL DE TAGUATINGA

TÚNEL DE TAGUATINGA
O FUTURO PASSA POR AQUI

quarta-feira, 17 de novembro de 2021

PCDF faz megaoperação contra o Comboio do Cão

Foto: Divulgação/PCDF--
Grupo é tido como a maior facção criminosa da capital. São cumpridos 19 mandados de prisão cautelar e 27 de busca e apreensão em Águas Claras e outras cinco regiões do DF. A Polícia Civil (PCDF) realiza nesta quarta-feira (17) uma megaoperação contra a organização criminosa batizada de Comboio do Cão, tida como a maior facção do Distrito Federal. O objetivo é prender membros que substituíram o líder do grupo, preso há seis meses. São cumpridos 19 mandados de prisão cautelar e 27 de busca e apreensão nas regiões de Águas Claras, Samambaia, Riacho Fundo, Recanto das Emas, Gama, Paranoá e Luziânia-GO. Também há duas ordens judiciais para sequestro de imóveis comprados com dinheiro ilícito. O Ministério Público (MPDFT) auxilia a PCDF na operação. Durante as investigações, identificou-se uma logística criada pelo grupo para tráfico de drogas e armas vindas das fronteiras do país, como a com o Paraguai.
A Operação contou com o apoio das Divisões de Inteligência – Dipo, de Operações Especiais – DOE e de Operações Aéreas – DOA da PCDF, bem como da 5ª Delegacia Regional de Polícia da Polícia Civil do Estado de Goiás, localizada em Luziânia/GO, e do 24º Batalhão de Polícia Militar da Polícia Militar do Estado de Goiás, situado em Posse/GO. Sobre a facção O Comboio do Cão é responsável por vários crimes hediondos no DF, quase sempre envolvendo disputas de territórios e pontos de tráfico de drogas. A operação de hoje (17) é a quarta contra o grupo. O líder, ‘Wilinha’, foi preso há pouco mais de seis meses. A ação de hoje foi batizada de “Operação Cáfila” e remete às caravanas de mercadores transportados por camelos, encontradas nas regiões asiática e africana. O nome faz alusão à prática do grupo de trazer armas e drogas das fronteiras. Por Willian Matos Fonte:https://jornaldebrasilia.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário